FERNANDO PRESTES 2001-2020
Auxílio emergencial: tire suas dúvidas

Publicado em 10/04/2020 as 6h15

Auxilio emergencial tire suas dúvidas aqui.jpg

O QUE É 

 

O Auxílio Emergencial é um benefício financeiro destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem por objetivo fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do Coronavírus - COVID 19.

 

*O benefício no valor de R$ 600,00 será pago por três meses, para até duas pessoas da mesma família.

 

*Para as famílias em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$1.200,00.

 

*Quem estava no Cadastro Único até o dia 20/03, e que atenda as regras do Programa, receberá sem precisar se cadastrar no site da CAIXA.

 

*Quem recebe Bolsa Família poderá receber o Auxílio Emergencial, desde que seja mais vantajoso. Neste período o Bolsa Família ficará suspenso.

 

*As pessoas que não estavam no Cadastro Único até 20/03, mas que têm direito ao auxílio poderão se cadastrar no site auxilio.caixa.gov.br ou pelo APP CAIXA|Auxílio Emergencial.

 

*Depois de fazer o cadastro, a pessoa pode acompanhar se vai receber o auxílio emergencial, consultando no próprio site ou APP.

 

PARA QUEM SE DESTINA?

 

Para ter acesso ao auxílio emergencial, a pessoa deve cumprir, ao mesmo tempo, os seguintes requisitos:

 

Maior de idade
ser maior de 18 anos de idade

 

Não ter emprego formal
destinado para trabalhadores autônomos com rendas informais, que não seja agente público, inclusive temporário e nem exercendo mandato eletivo

 

Não ser beneficiário
não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família

 

Renda familiar
renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00)

 

Rendimentos tributáveis
não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70

 

Estar desempregado ou exercer as seguintes atividades
exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI) ou ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS) ou ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

 

COMO SE CADASTRAR

Esta página pode ser acessada de tanto de um computador, como de um celular do tipo smartphone. Nesta página está disponível três links para baixar no caso dos celulares ou então acessar diretamente pelo computador:

http://desenvolvimentosocial.gov.br/auxilio-emergencial/auxilio-emergencial-de-600

 

Passo a passo pelo app

1 - Baixar o aplicativo tanto para Android como para iOS. Ao entrar clique em  “Realize sua operação”;

 

2 – Ser´pa mostrado todos os critérios para voe pedir o auxilio. Clique nas duas caixinhas, sobre se enquadra e e autorizar o uso de seus dados. Depois clique em “tenho os requisitos, quero continuar”;

 

3 – Preencha seus dados (nome, CPF, data de nascimento e nome da mãe). Clicar na caixinha ao lado de “não sou um robô” e depois em “continuar”;

 

4 – Informe seus celular e operadora  para receber um código de verificação e clique em “continuar”;

 

5 – Informe o código recebido via SMS em seu celular e clique em “continuar”;

 

6 – Complete o cadastro com mais informações pessoais, ganhos médios mensais antes da crise do coronavírus, qual sua ocupação, a cidade e o estado de residência e clique em “continuar”;

 

7 – Das pessoas que moram em sua casa, informar quantas possuem CPF. Depois adicione dados sobre todas elas. Será necessário informar a relação de parentesco, CPF e data de nascimento de cada uma. Caso seja mulher e chefe de família, única e responsável pelo sustento de todos os membros, marque a opção;

 

8 – Escolha se deseja receber o auxilio em conta bancária que você já tem ou se prefere abrir uma poupança digital na Caixa. Se escolher abrir uma poupança digital, será necessário informar o RG ou número da Carteira Nacional de Habilitação;

 

9 – está quase no fim. Verifique se todas as informações  fornecidas, mostradas no resumo, estão corretas. Clique em “concluir sua solicitação”;

 

10 – Pronto! Vai aparecer uma mensagem dizendo que o seu cadastro foi realizado com sucesso. Agora você deve aguardar que o governo analise seu pedido.

 

DICAS IMPORTANTES

 

- Tenha em mãos seu CPF, número de conta bancária caso tenha, RG.

 

- Se for relacionar seus parentes com quem mora é necessário saber o CPF delas, data de nascimento e nome completo.

 

-Você pode  acompanhar seu pedido através da página  em https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio clicando no link “acompanhe sua solicitação”

 

-Não entre em site duvidoso

 

-Caso precisar de ajuda procure pessoas de sua confiança

 

-Após seu cadastro não informe seus dados para ninguém via e-mail, whatsapp, SMS ou qualquer outra forma de solicitação

 

- Caso seu CPF não esteja regular o aplicativo que você instalou em seu celular vai dizer  e aí deverá fazer a regularização no site: https://receita.economia.gov.br/